Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2010

Somos o que pensamos e acreditamos ser.

A mente humana grava e executa tudo que lhe é enviado, seja através de palavras, pensamentos ou atos, seus ou de terceiros, sejam positivos ou negativos, basta que você os aceite. Essa açao sempre acontecerá, independente se traga ou não resultados positivos para você.
Um cientista ,queria provar essa teoria. Precisava de um voluntário que chegasse às últimas conseqüências.Conseguiu um em uma penitenciaria. Era um condenado à morte que seria executado na penitenciária de St Louis no estado de Missouri onde existe pena de morte executada em cadeira elétrica.
Propôs a ele o seguinte: ele participaria de uma experiência científica,na qual seria feito um pequeno corte em seu pulso, o suficiente para gotejar o seu sangue até a ultima gota final.
Ele teria uma, chance de sobreviver, caso o sangue coagulasse. Se isso acontecesse, ele seria libertado, caso contrário, ele iria falecer pela perda do sangue, porém, teria uma morte sem sofrimento e sem dor.
O condenado aceitou, pois era preferível do…

Idealismo

Gosto de gente com a cabeça no lugar, de conteúdo interno, idealismo nos olhos e dois  pés no chão da realidade.
Gosto de gente que ri, chora, se emociona com um simples e-mail, um telefonema, uma canção suave, um bom filme, um bom livro, um gesto de carinho, um abraço, um afago.
Gente que ama e curte saudade, gosta de amigos, cultiva flores, ama os animais.
Admira paisagens, poeira e chuva.
Gente que tem tempo para sorrir bondade, semear perdão, repartir ternuras, compartilhar vivências e dar espaço para as emoções dentro de si, emoções que fluem naturalmente de dentro de seu ser!
Gente que gosta de fazer as coisas que gosta, sem fugir de compromissos difíceis e inadiáveis,
por mais desgastantes que sejam.
Gente que colhe, orienta, se entende, aconselha, busca a verdade e quer sempre aprender, mesmo que seja de uma criança, de um pobre, de um analfabeto.
Gente de coração desarmado,
em ódio e preconceitos baratos.
Com muito AMOR dentro de si.
Gente que erra e reconhece, cai e se levan…

O Tempo e o Vento

Viajando pela internet, achei este texto, excelente, do site o mundo dos filósofos, que se enquadra em meu momento, não é meu mas é como se fosse.


Ponderar a exigüidade da vida cabe nos momentos em que percebemos a beleza e singularidade de determinadas situações. Principalmente analisados os bons encontros, os grandes prazeres, as felicidades temporais que de tão boas extrapolam essa dimensão.

Podemos também desejar que o Tempo corra mais se algo nos inquieta ou esperamos com ansiedade por alguma situação, resposta ou alguém. Interessante, quanto mais velho ou diria vivido, mais paciência se tem, será que tem alguma relação com convivência na presença do Tempo. 

Tanto passa o Tempo como passa o Vento, ambos não se deixam represar, são soberanos em suas condutas. De ambos, poucos sabemos, só sentimos e quando pensamos neles muitas das vezes já sofremos as suas ações. Quanto mais pensamos mais percebemos é claro, se pensamos no Vento o sentimos, se pensamos no Tempo observamos as suas aç…

Consciência

Tua vida não é só tua.
Mas, também, de quem te ama.
Porque tu te tornas responsável por aquilo que cativas.
Teus passos repercutem em outros, mesmo indiretamente.
Nem mesmo o corpo que tu vestes no momento é teu.
O que te pertence são a tua vontade, tuas escolhas e teus atos.
E as repercussões disso em tua jornada...
Tua canção não é só tua! Porque outros a escutam através de ti.
Teus pensamentos viajam longe... E alcançam outras mentes.
Teus sentimentos tanto podem irradiar luz, como podem espetar e machucar outros corações. Tudo depende de ti!
Queres irradiar tua luz ou ferir alguém?
O que move teus propósitos?
Se afetas os outros para o melhor e, também, para o pior, é certo que os outros também te afetam.
Há uma interdependência automática no universo. Tudo é questão de sintonia.
Se te ligas aos interesses deletérios e vazios de consciência, sofrerás as repercussões psíquicas de tal ligação.
Porque há inteligências sombrias interligadas nas faixas mentais negativas, prontas para in…

Cada um tem se modo de ver a vida - E você ??

Da fusão dos ciclos uma onda senoidal magnética ou eletromagnética é que surgem as energias que alimentam o planeta e os pensamentos do universo real, paralelo ou imaginário.
Universos esses que existem e que se misturam em qualquer parte do limbo, em um certo período do tempo, da realidade interna de cada ser humano, sendo variada de pessoa para pessoa e podendo se fundir ou afetar a realidade do próximo.
O universo real é esse em que nós vivemos e que de vermos tantas coisas que nos desagradam, às vezes, acabamos passando para o imaginário onde podemos com pequenas porções de ilusão nos proteger ou nos abrigar da realidade do mundo. Por parte é bom, mas se demorarmos muito em nossos universos imaginários, a volta ao mundo real pode e será cruel podendo nos deixar “completamente loucos”. Sim, todos nós já estivemos lá no universo imaginário. Uns mais, outros menos tempo. Sabemos também que há pessoas que não conseguem sair de lá, ficando presos em um mundo criado por suas mentes. O uni…

O tempo que foge

Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para frente do que já vivi até agora. Sinto-me como aquele menino que ganhou uma bacia de jabuticabas. As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflados. Não tolero gabolices. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.

Já não tenho tempo para projetos megalomaníacos. Não participarei de conferências que estabelecem prazos fixos para reverter a miséria do mundo. Não vou mais a workshops onde se ensina como converter milhões usando uma fórmula de poucos pontos. Não quero que me convidem para eventos de um fim-de-semana com a proposta de abalar o milênio.

Já não tenho tempo para reuniões intermináveis para discutir estatutos, normas, procedimentos parlamentares e regimentos internos. Não gosto de assembléias ordinárias em …

Autoconhecimento

O autoconhecimento nos dá a habilidade de saber como e onde agem nossos pontos fracos e até a quem atribuímos nossas emoções e sentimentos, facilitando-nos compreender melhor as pessoas em nossa volta. Caminhar no processo do autoconhecimento significa desenvolver gradativamente o respeito a nossos semelhantes impedindo que façamos projeções erradas de nossas deficiências nos outros.
Apenas quando tivermos um considerável conhecimento de nós mesmos é que poderemos ajudar efetivamente a outras pessoas.
Se desconhecemos nosso mundo interior, como poderemos transmitir segurança e determinação ou dar força aos outros. O autoconhecimento requer uma contante auto-reflexão de nossas ações no dia a dia.
Muitos relacionamentos não dão certos porque as pessoas não olham pra dentro de si mesmas, não percebendo assim, seus pontos fracos e suas limitações. Quando atenuamos ou amenizamos as críticas a nosso respeito e a respeito dos outros, estamos assimilando de forma verdadeira as lições que o au…

A Essência do ser humano

Uma pedra nasce e cresce de fora para dentro, num processo que leva milhões de anos. Ela se encontra aquietada, dentro de seus limites, naquilo de que é constituída, tendo como característica a sua rigidez. Uma flor, mesmo que seja inspiração para as mais belas poesias, também manifesta um movimento limitado e suas pétalas podem vir abaixo por alguém que queira verificar se "o bem" ou se "o mal lhe quer". Já o ser humano não se aquieta no constituído e nem nos próprios limites. Ele se coloca como um projeto num processo de crescimento que se dá de dentro para fora, ao mesmo tempo em que os condicionamentos culturais e sociais do espaço e do tempo constituem para ele uma camisa de força para que seja moldado de acordo com os padrões existentes. Diz Erich Fromm que "O homem era - e ainda é - facilmente seduzido para aceitar determinada forma de ser humano como sendo a sua essência. Mas a essência do ser humano não se define pela sociedade com a qual se identifica…

Desabafo

Não me interessa o que você faz para viver.
Eu quero saber o que de fato você busca e,
se é capaz de ousar sonhar em encontrar 
as aspirações do seu coração.
Não me interessa a sua idade, eu quero saber
se você será de se transformar num todo,
para poder amar, viver os seus sonhos, 
aventurar-se a estar vivo.
Não me interessa qual o planeta que está em
quadratura com a sua lua, eu quero saber se você é
capaz de se sentar com a dor, a sua e a minha, se
você é capaz de dançar loucamente, e deixar que o
estase lhe envolva até a ponta dos dedos dos pés e
das mãos, sem querer nos aconselhar a sermos
mais cuidadosos, mais realista, ou nos lembrar
das limitações do ser humano.
Não me interessa se a história que você está
contando é verdadeira, eu quero saber se você é
capaz de desapontar o outro para ser verdadeiro
consigo mesmo: e se é capaz de suportar a
acusação de traição e não trair a própria alma.
Eu quero saber se você pode ser confiável e verdadeiro.
Eu quero saber se você pode ver a beleza
mesmo quando o …

Fenix

Eu!
Prisioneiro meu
Descobri no brêu
Uma constelação... Céus!
Conheci os céus
Pelos olhos seus
Véu de contemplação... Deus!
Condenado eu fui
A forjar o amor
No aço do rancor
E a transpor as leis
Mesquinhas dos mortais... Vou!
Entre a redenção
E o esplendor
De por você viver... Sim!
Quis sair de mim
Esquecer quem sou
E respirar por ti
E assim transpor as leis
Mesquinhas dos mortais... Agoniza virgem Fênix
O amor!
Entre cinzas arco-íris
Esplendor!
Por viver às juras
De satisfazer o ego mortal... Coisa pequenina
Centelha divina
Renasceu das cinzas
Onde foi ruína
Pássaro ferido
Hoje é paraíso... Luz da minha vida
Pedra de alquimia
Tudo o que eu queria
Renascer das cinzas... E eu!
Quando o frio vem
Nos aquecer o coração
Quando a noite faz nascer
A luz da escuridão
E a dor revela a mais
Esplêndida emoção... O amor!
Quando o frio vem
Nos aquecer o coração
Quando a noite faz nascer
A luz da escuridão
E a dor revela a mais
Esplêndida emoção...
 Flávio Venturini / Jorge Vercilo

Assim como o girassol

Assim como um girassol escolhe sempre estar voltado para o sol, escolha focalizar o lado melhor, mais bonito, mais luminoso e vibrante das coisas que lhe acontecem.
Nossa percepção é seletiva, nós "focalizamos" o que queremos ver e deixamos de perceber o restante.
Você já reparou como é fácil ficar de baixo astral?
Uma conta para pagar...
Não ganhar todo o dinheiro de que se precisa...
Não ter a aparência que se gostaria de ter...
Não ser valorizada no trabalho...
Não ter encontrado o sucesso, ou um grande amor ...
É por isso que freqüentemente não nos sentimos bem. Depositamos nossa atenção no que nos falta, no que nos magoa...E ocupamos nossa mente com pensamentos preocupantes sobre o futuro. Enfim, deixamos a nossa mente à deriva, torturada por pensamentos negativos que nos dominam.
Na verdade a maior parte do tempo, estamos lutando com a vida, não aceitando o que ela nos traz...E quando não aceitamos aquilo que é, e nos concentramos no que deveria ser, nos frustramos, so…

Corpo desejado

Naquele ensejo em que se espera o fim da tarde Chegaste para mimcom desejo em forma de fera Penetrastes em meu quarto qual animal faminto Exausta de perambular pela selva diária Neste fim de tardenos deleitamos em minha cama Bebo em sua boca uma dose adocicada e de aroma perfumado Extraio de seu prazer umardor jamais dantes experimentado Quando embriagado nesse corpo ensandecido Vivo o êxtase sem qualquer constrangimento Quero possui-la nesses momentos de paixão avassaladora Sentir-me o próprio soberano desse corpo adorado O prazer deixava o aposento num perfume embriagador O desejo e o prazer nos tornavam reféns desses momentos Gritos e garras se consumiam em nosso prazer Pedidos saiam de sua deleitosa boca Finalmente saciada seu corpo tende sobre a alvura dos lençóis Percebo nesses instantes travesseiros e roupas pelo chão O amanhecer arrisca penetrar pela vidraça semi-aberta Contemplo seu corpo envolvido nos lençóis Admiro tua nudez de fêmea satisfeita Anseio mais um fim de tarde Quando poderei tê-la n…

Nossas noites

Durante o tempo que me quiseres Atravessaremos as noites juntos Serei por toda a madrugada O guardião de teu sono aventureiro Quando o vento do mau  sonho  chegar Encostarei as janelas e lhe contarei minhas estórias Então adormeceras ternamente Quando estiveres dormindo Serei o rio que lhe sussuras intensas canções Quando dormires se envolvera em meus braços E eu adormecerei contigo Durante a noite e por toda a madrugada Nossas noites não cabem em um só luar Dizem que nossa noite  tem sons de serenatas Mas isso não nos importa Durante a noite nossos sonhos se eternizam.
Sonia Santos

Vida

Será apenas uma passagem onde temos que nascer, crescer, errar, aprender, viver e morrer? Ou será algo mais intenso, um desígnio, um destino, uma história....? E no meio disto tudo eu pergunto-me: Haverá vida sem AMOR?
Sem esse sentimento tão importante? 
Nao, acho que para uma vida plena é preciso amar e ser-se amado, senão a nossa vida será como um livro sem páginas, sem letras.... Ai! 
É tão difícil levar uma vida "plena" e com amor quando anda meio mundo a enganar-se. Mas... Entao será uma vida um engano? Não, se nós adquirirmos uma personalidade forte e direta, se formos justos e sinceros uns com os outros, por vezes um pouco duros para quem o merece, se nos questionarmos e tentarmos corrigir os nosso erros. Acho que devemos viver cada dia como se fosse o último, vivê-lo intensamente, rir, chorar, sorrir, amar, perder, ganhar, dizer o quanto amamos, o quanto queremos, pois quando menos esperarmos essa vida pode acabar. E   sinceramente....Eu quero que a minha acabe em pleno, …

Uma história que ultrapassa gerações

Imagem
A Figura que coloco, como foto em meu perfil é a de Fernão Capelo Gaivota, este livro é um dos melhores que li, alguns ainda não conhecem a história de Fernão , então faço um resumo abaixo que serve como auto ajuda.
A história de Fernão Capelo Gaivota. 


O autor conta toda a vida de Fernão Capelo, uma gaivota ávida por liberdade e pelo conhecimento. Desde sua juventude, Fernão Capelo mostra-se diferente das outras gaivotas, por nutrir intensa paixão pelo vôo. Fernão Capelo desafia as regras da sua comunidade quando mostra suas descobertas acerca do vôo. Por pensar de modo anticonvencional, Fernão é expulso da sua comunidade. Solitária, a gaivota aprimora suas técnicas de vôo até sua velhice, quando é misteriosamente elevada a outro mundo. Neste novo mundo, Fernão se revigora, conhece gaivotas que pensam em liberdade e vôo como ele e, com o auxílio de mestres, atinge a excelência na arte de voar com o vôo do pensamento.Fernão passa a ensinar o que sabe a outras gaivotas, até decidir-se pe…

Avance sempre

Imagem
Avance sempre Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar. Mas é importante não parar. Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso. Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena. Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios. Continue andando e fazendo. O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente. A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele. Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo. Então continue andando e fazendo. Não desperdice a base que você já construiu. Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante. Pode não ser muito mas vai mantê-lo no jogo. Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado. Mas, seja, lá o que for, continue. O importante é não parar

Amor Verdadeiro

Imagem
Tenho vagas recordações de nosso passado em remotos tempos de outras existências...
Nessa etapa atual, sonhava contigo de tempos em tempos.
Sua aparência é um pouco diferente, mas estou certo de quem tu és.
Amor platônico e de infância. Saudade de alguma coisa sem saber do quê ou de quem.
A maturidade e os estudos me ajudam a compreender, dentro de minhas limitações.
Mas quanta brandura sinto em meu peito quando estamos juntos nesses sublimes encontros . 
Amor recíproco, que consegue ser sereno e arrebatador apenas com troca de palavras e dois corações descompassados.
Recíproco e inabalável.
Os motivos que nos colocaram distantes, não sei, mas a inteligência suprema sabe o que faz.
O véu que nos turva a visão é o responsável pelo meu não entendimento momentâneo das circunstâncias que fizeram com que chegássemos até aqui.
Tenho vivido a felicidade de acordo com meu merecimento e não posso reclamar.
Encontros e desencontros tivemos com irmãos que precisavam aprender e nos ensinar alguma coisa. 

Abrindo Portas

Se você abre uma porta, você pode ou não entrar em uma nova sala. 

Você pode não entrar e ficar observando a vida.

Mas se você vence a dúvida, o temor, e entra, dá um grande passo: nesta sala vive-se !

Mas, também, tem um preço...

São inúmeras outras portas que você descobre. Às vezes curte-se mil e uma.

O grande segredo é saber quando e qual porta deve ser aberta.

A vida não é rigorosa, ela propicia erros e acertos. Os erros podem ser transformados em acertos quando com eles se aprende.

Não existe a segurança do acerto eterno. A vida é generosa, a cada sala que se vive, descobre-se tantas outras portas. E a vida enriquece quem se arrisca a abrir novas portas. 


Ela privilegia quem descobre seus segredos e generosamente oferece afortunadas portas.

Mas a vida também pode ser dura e severa. Se você não ultrapassar a porta, terá sempre a mesma porta pela frente. É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida...

Para a vida, as…

Alquimia

Eu sou branco. Você é vermelho.
Quando estamos juntos somos rosa.
Antes de eu conhecer você, eu não sabia o que era rosa.
Até que eu vivia bem sozinho: comia o que e na hora que eu queria; saía na hora quando bem entendia para ir ao lugar que tinha vontade de ir,numa liberdade, independência e auto-suficiência.
Quando eu vi você, fiquei vermelho de paixão e nem me incomodei com os meus brancos.
Até perceber-me que eu já não era mais o branco.
Foi quando o vermelho começou a me sufocar e então, brancamente, me protegi.
Mas às vezes eu me irritava e brigava com você.
No fundo, era porque você era vermelha e não branca igualzinho a mim.
Percebi-me em alguns variados momentos querendo mudar a sua cor. Ainda bem que você soube permanecer-se vermelha,
ter suas próprias emoções, sentimentos, comportamentos e pontos de vista.
Caso contrário, você seria também branca.
Mas tive minhas reticências, pois estava acostumado ao meu ritmo e modo de vida branco.
Temi perder minha individualidade.
Mas aos poucos fui…

EU OUSEI EXPERIMENTAR

Quando as coisas dão errado,      não pense que todos os seus                    esforços têm sido em vão. Talvez tudo foi para melhor,por isso sorria... e experimente outra vez.
Pode ser que o seu aparente fracasso venha a ser a porta mágica que  o conduzirá para uma nova felicidade que antes você jamais conheceu.
Você pode estar enfraquecido pela luta, mas não se considere vencido .... Não vale a pena gastar o precioso tempo Em lagrimas e lamentos.
Levante-se e enfrente a vida outra vez.. E se você guardar em mente o alto objetivo de suas aspirações, o seus sonhos se realizarão... Tire proveito dos seus erros, colha experiência de suas dores. E, então um dia você dirá: EU OUSEI EXPERIMENTAR OUTRA VEZ.